Conversas sobre Educação

Mais uma vez Rubem Alves crítica o processo educacional e o papel das escolas na formação dos alunos. Rubem Alves chega a dizer que os adultos são deformados e os professores deformam as crianças.
A obrigação de seguir programas formatados eliminam a curiosidade das crianças, obrigando-as a aprender somente aquilo que os adultos acham que ela deve aprender e pouco importa o que ela gostaria de aprender.
Enquanto as escolas continuam em sua educação totalmente tradicional disfarçadas de sócio-construtivista, a memória das crianças, adolescentes e jovens continua sendo testadas ao extremo. No entanto Rubem Alves afirma que “o aprendizado é tudo aquilo que fica depois que tudo foi esquecido” (p. 50), pois só se sabe com o corpo o que a cabeça esqueceu.

Comentários